sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Deus e o infinito

Quem é Deus?
“Deus é a inteligência suprema, causa primária
de todas as coisas.”
Que se deve entender por infinito?
“O que não tem começo e nem fim: o desconhecido;
tudo o que é desconhecido é infinito.”
Poder-se-ia dizer que Deus é o infinito?
“Definição incompleta. Pobreza da
linguagem humana, insuficiente para definir
o que está acima da linguagem dos homens.”
Deus é infinito em suas perfeições, mas o
infinito é uma abstração. Dizer que Deus é
o infinito é tomar o atributo de uma coisa pela
coisa mesma, é definir uma coisa que não está
conhecida por uma outra que não está
mais do que a primeira.
Allan Kardec

Nenhum comentário:

Postar um comentário